quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Como realizei um sonho muitos anos antes do que eu podia imaginar

Por Alex Galindo



Sabe aqueles sonhos que a gente tem que pensa que um dia, quem sabe, talvez possa realizar?

No terceiro ano de Teologia, os alunos do UNASP são enviados para fazer o estágio de Evangelismo. Nós temos um mês de aulas intensivas teóricas e depois nos próximos três meses vamos para o estágio. Nesse estágio nós fazemos series evangelísticas de colheita. Cada aluno é enviado para um lugar do Brasil (geralmente no estado de São Paulo).

A forma como eles escolhem o destino de cada um não é muito precisa. Os casados geralmente ficam mais próximos, para poderem visitar sua família e os solteiros tem um campo de possibilidades mais abrangente. E nessa, por alguma razão aleatória eu fui escolhido para o distrito do famoso Jardim Ângela (Grupo Jd Kagohara) na zona sul de São Paulo.



Esse estágio de evangelismo funciona da seguinte maneira:  Sua missão é dar estudos Bíblicos para o maior número de pessoas o possível e trazê-las a Jesus. Onde você vai arrumar essas pessoas é o desafio. Visinhos dos membros da igreja, Interessados, Lista da interessados da TV novo tempo (dica, essa lista é muito boa, use-a!), feira de saúde, contato com o Calebe, etc.




Tantas histórias eu tenho pra contar desse período de buscas. Foi realmente uma experiência tremenda. Eu realmente pude ver como muitas pessoas querem e precisam ouvir da mensagem. Um dia talvez eu conte essa experiências.

Irmão "Bolinha". Aprendi muito com esse cara!

O fato é que por uma série de razões numa reunião em conjunto com o pr do distrito foi decidido que eu iria mudar da igreja do Jd Kagohara para a Igreja central do distrito, Jd Ângela. 

E ao buscar por mais interessados para estudos eu pensei: “por que não ir nas escolas ver se tem alunos do meu bairro para visitar suas famílias?”

A Zona Sul de São Paulo, especialmente a região do Capão Redondo é conhecida (entre outras coisas) pela grande concentração de adventistas. Tem MUITAS igrejas e escolas adventistas por lá. E o alojamento onde eu e mais dois colegas estávamos era exatamente em frente ao UNASP São Paulo, o mesmo colégio onde eu estudei no ensino médio. Ficamos hospedados num antigo asilo de idosos desativado.


Como já contei aqui em outro post, eu fui fazer teologia com o objetivo de trabalhar em Educação. Eu fiz meu ensino medio no Colégio UNASP de sp. E foi lá que  eu pude estudar a Bíblia com o Pr Giliard e tomei minha decisão por Cristo Jesus. Mas desde então eu tive o sonho de poder fazer por outros meninos e meninas o que aquele bom professor tinha feito por mim.

Pastor Giliard que me deu estudos Bíblicos

[Quarta 30/09/2015]
Chegando na secretaria do UNASP sp, encontrei a professora Márcia Azevedo, coordenadora da Escola Básica que está no UNASP desde a época em que eu fui aluno lá. Ela se lembrou de mim e perguntou o que eu estava fazendo por alí. Ela ficou surpresa e feliz com as novidades. Quando eu estudei lá, eu fiz técnico em informática e depois a faculdade de Análise de Sistemas, então saber que eu estava cursando teologia foi uma surpresa e tanto. E ela comentou: "Que bom que você apareceu! Nós ficamos sem capelão desde que o Daniel Ludke foi para a novo tempo." 

Ela me levou na sala da coordenadora do Ensino Médio e marcou uma reunião pro dia seguinte com o pastor Jackson, que estava acumulando as duas funções de capelão e professor de religião de uma das maiores escolas adventistas do mundo.
Profª Márcia e Profª Angélica

Quinta 01/10
No dia seguinte conversei com o pr Jackson que eu fora aluno da escola e que minha paixão está lá. Ele gostou da proposta e contou que lá eu teria bastante trabalho para realizar. Ele me contou também sobre a Comunidade YES - Uma igreja para alunos - que ele iniciou junto com o Pr Ludke. (Que ideia genial essa comunidade YES).

O Pastor Jackson é um pastor diferente pois, assim como eu, também escolheu dedicar seu ministério a escola (E acredite, isso é muito muito raro!). É um cara fantástico que ama o que faz. Ele ficou espantado e feliz de encontrar outro como ele. Porém o meu estágio é definido pela FAT e pelo meu coordenador de Estágio. No caso eu estava trabalhando para a APS e o meu coordenador de Estágio, o pastor Antônio Gonçalves precisaria aprovar tal mudança.

Liguei pro pastor Antônio no mesmo dia e contei a proposta a ele. Contei das muitas oportunidades lá, da minha paixão e sonho de trabalhar naquele local. Como todos, ele também ficou muito impressionado com isso (Tô te falando, é muito raro alguém que ame trabalhar em escola). "Se eu soubesse disso desde o princípio eu teria colocado você em alguma escola desde o princípio".

Ele não curtiu a ideia de mudar pois eu já havia iniciado o trabalho no Jd Kagohara e eu não poderia ficar divido pois não faria um bom trabalho se ficasse com a atenção dividida entre o distrito e a escola. Outra coisa é que o estágio de evangelismo é geralmente num formato e padrão muito específico. Seria algo realmente inovador fazer o evangelismo em escola. Ele pediu que eu aguardasse, que oraria sobre o assunto falaria com o pr Abdala sobre isso. Era uma quinta feira.

Pensei: "Agora já era! Não vai rolar. O Abdala quer que a gente faça o programa É Hora de Viver, plante igrejas e tudo o mais. Ele não vai curtir a ideia."

Como eu orei! Como eu orei!

No Sábado então eu fiquei dividido entre ir na comunidade YES ou ir para o novo Distrito do Jd Ângela, pois eu ainda não havia sido apresentado. Mas quando contei da possibilidade para o pastor do distrito do Jd Ângela ele disse para que eu fosse para o UNASP. Assisti meu primeiro culto ali ainda expectante e cada vez mais desejoso de trabalhar lá. A permissão de mudar de estágio ainda não fora dada.

Mas no dia seguinte o pastor Antônio me ligou e disse que vendo meu grande interesse e vontade ele me permitira, mas que era pra "jogar duro" e fazer valer a oportunidade! Eu não podia conter minha felicidade!

Jesus! Tudo o que eu orei foi para que eu tivesse muitas oportunidades para que eu não ficasse ocioso um momento sequer. E essa oração foi logo respondida: logo que fui me apresentar na escola eu vi que a coordenadora do fundamental estava preocupada pois acontecera uma emergência e um professor precisou se ausentar da sala. Então me voluntariei pra ficar lá com as crianças e dar a aula. Ela sorriu surpresa e aliviada. Então me levou pra sala de Aula. 

E que alegria! Foi uma sala onde eu mesmo havia estudado há tantos anos atrás.

Minha primeira aula!

Dada a aula percebi que ela ainda estava intranquila. É que o palestrante que iria fazer a capela naquele mesmo dia furou. Me ofereci novamente. (Eu já havia pregado tantas vezes nos residenciais do UNASP ec, ponderei que não seria muito diferente).


Apresentação para a turma do PD



Daí pra frente foram só alegrias. Tenho muitas coisas interessantes para contar que merecem outros tantos posts.

Quando eu pedi uma sala para dar os estudos Bíblicos a primeira sala que me deram foi a mesma onde eu havia feito os meus estudos tantos anos atrás.



Logo descobri que vários garotos lá queriam também fazer teologia. Então já marquei uma aula com eles pra explicar sobre o processo seletivo e sobre o mundo UNASP, sobre a "Teololife" rs.

Futuros Teologandos - Esse caras me ajudaram MUITO.
Geovani, Helder, Samuel e Raul


O professor Jackson me cedeu uma aula com cada turma. Dei uma aula sobre escolhas e convidei para aqueles que quisessem estudar a Bíblia desse seu nome. Tive a alegria de no total ter mais de 200 alunos fazendo estudos bíblicos. E eu não poderia ser mais feliz.



E31A

Dia da visita do Pr Abdala
Reencontrei o irmão de um grande amigo e ex-colega de sala.
Na época ele tinha 6 anos

Alcateia

Classe de Apocalipse



Comunidade YES



Outro sonho que eu sempre tive foi de ter uma casa para onde poder convidar meus alunos a participar. E esse eu pude ter um gostinho de como será. A casa onde eu estava alojado tinha um amplo espaço aos fundo onde pude fazer uma série de Encontros, PGs, Confras, estudos.

Meu asilo, seu asilo!

Galera do EJ


Confra Final da P31



Eu nasci em 29/11/1988. Dia 26/11/2005 eu nasci de novo, quando batizei naquele colégio. E no dia 28/11/2015, dez anos e dois dias depois, eu pude presenciar o batismo daqueles de eu tive o privilégio de ensinar um pouco da Palavra.

26/11/2005





28/11/2015















"Se alguém tem sede, venha a mim e beba. Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva". João 7:37,38





Eu sei que Deus realiza sonhos. Mas eu não esperava que ele fosse realizar esses tão cedo. Deus coloca pessoas especiais em nosso caminho e nos surpreende com Sua maravilhosa Graça. Serei pra sempre grato ao Pastor Jackson pela oportunidade e por tudo o que me ensinou. Ao pastor Antônio por ter me permitido essa experiência. A professora Márcia, Ao Giliard que me ensinou o bom caminho. E por cada aluno que me permitiu fazer parte de sua vida. Meu coração transborda de Gratidão e alegria. E eu simplesmente não entendo porque Deus tem sido tão bondoso comigo, a despeito de mim mesmo. Mas essa mesma gratidão me dá também a segurança que o mesmo Deus que me concedeu já realizar tantos sonhos há de me realizar tantos mais que eu ainda nem sonhei!