quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Nômade: A vida do pastor como gerúndio absoluto

por Lucas Schultz

"Essa vida é uma viagem, pena eu estar só de passagem."Paulo Leminski
Você já deve ter percebido que eu gosto de escrever sobre a minha namorada. Se não aprecia esse fato, sugiro gentilmente que vá pentear macacos. Acredite: eles são absolutamente penteáveis.
Estamos completando 50 meses de namoro (eita Jesus maravilhoso) e fazendo de tudo para que os próximos 50 sejam completos no matrimônio. Amo amar a ela. Mas hoje não vou falar de assuntos açucarados.

Semana passada, viajei a Jacareí (SP), onde minha querida mora, ajudá-la em sua primeira mudança (sozinha). Seus pais, com os quais ela morou a vida inteira, foram transferidos para Curitiba (PR). E ela, agora, iria morar sozinha.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Viajar como estilo de vida - Um novo rumo pra nossa geração




Vejo nos jovens da minha geração uma grande paixão por viajar. Talvez essa paixão por viagens seja inerente do jovem de qualquer época, mas hoje temos tido muito mais condição de explorar o mundo do que nossos pais. E tenho percebido que o viajar tem se tornado mais do que um repouso da labuta diária, mas um estilo de vida.

Sobre a Heresia do Chamado Irrecusável

Por André Urel




Por vezes tentei escapar desse texto encomendado. Por vezes tentei deixar de pensar no "e se". Por vezes tentei justificar minhas escolhas pelos bons frutos de minhas decisões.


Poucas coisas subjetivas são tão objetivizadas como o designado "chamado" para o ministério pastoral. Muitos dizem ter experiências incríveis, outros hiperbolizam qualquer casualidade no intuito de confirmar seu desejo pessoal, outros ainda, apenas aceitam um chamado que julgam ser silencioso. Se me perguntassem se já recebi o "chamado" sinto que simplesmente não saberia responder, mas ao procurar essa resposta, outra infinitamente maior encontrei:

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Porque você não foi chamado ao ministério pastoral

Por Alex Galindo


As pessoas tem muitas opiniões baseado na imagem que fazem dos outros. Exemplos: "Ah, vocês combinam!" (quem nunca ouviu esse?), ou ainda "Você tem que ser pastor! Você tem cara de pastor!".
"Você tem que ser pastor! Você tem cara de pastor!".

Sim é sobre esse último que eu quero falar. Você acha que Deus te chamou ao ministério porque as pessoas te dizem isso. E de fato Deus pode falar conosco por essa maneira e indicar que Ele nos deu esse dom e esse chamado (como no caso relatado pelo Lucas Davis). Mas nem sempre é o caso...

Parábolas modernas - A ficção que aponta pra realidade



“Uma grande nação é completamente destruída por um poder inimigo qual nunca se viu antes. Poucos são os sobreviventes e, em meio ao caos, três jovens, ainda inexperientes, tornam-se a única esperança que persiste. Contudo, a cada novo passo dado, percebe-se que tramas ainda mais complexas estão se desenvolvendo simultaneamente.”

Tal descrição pode dar margem para muitas perguntas e suposições. Porém, confesso que me impressionei quando, pela primeira vez, entrei em contato com essas palavras, escolhidas cautelosamente por um amigo após ter lido um esboço de um livro que está sendo desenvolvido. Mas, vamos por partes.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

Ted Wilson diz que o Inimigo está tentando destruir a Igreja Adventista

PRESIDENTE ADVENTISTA CONCLAMA LÍDERES DA IGREJA A SE POSICIONAREM AO LADO DA BÍBLIA MESMO QUE SEUS ENSINOS SEJAM ACUSADOS DE POLITICAMENTE INCORRETOS
11 de outubro de 2014 | Silver Spring, Maryland, Estados Unidos | Andrew McChesney/Adventist Review
Ted N. C. Wilson, líder da igreja Adventista do Sétimo Dia no mundo, disse que Satanás esteve usando cada meio ao seu dispor para tentar destruir a Igreja Adventista e neutralizar sua missão de proclamar a breve volta de Jesus. 

Wilson, em seu sermão, disse que as táticas do diabo incluem o ecumenismo, a abordagem carismática de adoração, e ataques à compreensão bíblica-profética, e disse que havia sentido os golpes pessoalmente nas semanas anteriores com a morte de um neto nascido prematuramente e com a descoberta de que dois outros netos sofrem de de problemas sérios de saúde. Mas ele incitou os líderes da igreja presentes ao Conselho Anual, um encontro de grande importância em assuntos da igreja, a unirem-se a ele na submissão a Deus e em tomar uma posição unida pelas crenças bíblicas distintivas da Igreja Adventista, desconsiderando se os ensinos forem rejeitados como impopulares ou politicamente incorretos. 
"Nestas cenas finais e perigosas da história da Terra, lembrem-se que o diabo está tentando neutralizar tudo quanto fazemos - até mesmo neste Encontro Anual," Wilson disse ao auditório repleto na sede da igreja mundial em Silver Spring, Maryland. "Através de do poder de Deus, sejamos inteiramente respeitosos, como Cristo, e amáveis em nossas discussões e trocas de ideias durante este Conselho Anual em qualquer assunto de que formos tratar."

Acompanhe novos textos do Teololife



Muitos me perguntam como fazer pra acompanhar os novos textos.
É muito simples. Vá na página do Teololife no face www.facebook.com/teololife

E clique em curtir, e logo abaixo em Obter notificações. (como destacado na imagem acima).
Se você clicar apenas curtir, nem sempre receberá os novos textos.
Mas se você clicar em "Obter notificações" receberá um aviso dos novos textos.


Se você gosta do blog, promova-o, curtindo e compartilhando as postagens e divulgando para seus amigos que desejam ou se interessam pela vida teológica.

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Palavras Cheirosas




“Porque para Deus somos um aroma de Cristo [...] para uns, na verdade, cheiro de morte para morte; mas para outros cheiro de vida para vida” (2Cor.2:15,16)


A igreja hoje tem se deparado com a necessidade se posicionar diante de questões bastante desafiadoras. Um dos posicionamentos difíceis é, por exemplo: como defender os princípios bíblicos da família numa sociedade que além de promover a união homoafetiva, considera absurdo qualquer discurso contra essa prática? Muitos pastores se veem numa encruzilhada: ser politicamente correto ou pregar a palavra como ela é? A atitude que se espera de um ministro do evangelho é, sem sombra de dúvidas, pregar a verdade acima de tudo. Em minha particular observação, esse não tem sido nosso problema como adventistas. Mas, tenho percebido com tristeza que nosso zelo pela verdade não tem sido bem recebido pelos corações que dela necessitam. Talvez nossas palavras estejam “fedendo”.

domingo, 12 de outubro de 2014

Igreja atinge 18.1 milhões de membros

Mas secretário executivo G.T. Ng prefere falar sobre a séria perda de membros


Secretário Executivo G. T, Ng entregando o relatório de membros para o concílio anual
12 de Outubro 2014. Foto: Ansel Oliver/ANN

Por Andrew McChesney, Editor de notícias da Adventist Review
Traduzido por Alex Galindo

O número de membros da Igreja Adventista Adventista do Sétimo Dia superou 18 milhões pela primeira vez, mas GT Ng, secretário-executivo da Igreja Adventista a nível mundial, não está comemorando.

Ng expressou consternação com grandes perdas.
"É fácil para batizá-los, mas é muito mais difícil de mantê-los", 
disse Ng em entrevista.
"Retenção e educação devem estar no mesmo lado da moeda, mas, aparentemente, o batismo traz mais glamour: 'Olha quantas eu tenho batizado'", disse. "Educar'? Quem se importa? Não há nenhuma glória para mim "Então nós temos um problema inerente:. Perdas, perdas graves. Mas muitas pessoas não falar sobre isso. "
Ng, no entanto, fez questão de falar sobre isso no domingo, quando ele entregou o relatório de adesão  de novos membros para o Concílio Anual, numa importante reunião de negócios dos líderes da igreja mundia na sede da Igreja Adventista em Silver Spring, Maryland.

O número de membros da Igreja Adventista cresceu 1,5 por cento para atingir 18.143.745 milhões de 17.881.491 no ano anterior, de acordo com dados que ele apresentou. Pelo 10 º ano consecutivo, mais de 1 milhão de pessoas se uniram à igreja - 1.091.222 para ser exato -, mas ao mesmo tempo uma década de alta: 828.968 pessoas foram retiradas dos livros da igreja (por morte, deixar a igreja, ou desaparecimento.)

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

A alternativa inquietante

Por Alex Galindo
Em memória de Alexandre Galindo


"Filho, aqui estão as chaves do carro. Mas se eu melhorar, você me devolva!"
Meu pai me disse isso um dia antes de partir. A médica sugeriu que nos despedíssemos pois ela aplicaria uma maior dose de morfina e ele provavelmente não despertaria mais desse último sono.


"Há apenas 3 coisas que podemos fazer em relação a morte: desejá-la, temê-la, ou ignorá-la. A 3ª alternativa que o mundo moderno chama 'saudável' é a a mais inquietante e precária de todas" C.S. Lewis - Cartas a uma senhora americana.